Brasília Outros 50 anos, estamos nessa!!!

Brasília Outros 50 anos, estamos nessa!!!
O que isso realmente representa!

segunda-feira, 19 de abril de 2010

GRUPO LUZ DO SAMBA



A comemoração da Capital cinquentona privilegiará os artistas locais no Brasília outros 50 anos. Serão 50 horas de uma programação bem diversificada. E um dos palcos mais aguardados é o do samba. Atrações como a banda Luz do Samba trazem o clima carioca para a cidade. O Complexo Cultural FUNARTE receberá o evento e a banda se apresenta no dia 20 às 22h.

O grupo Luz do Samba foi criado em 1988 em Sobradinho – D.F, com a intenção de fazer na cidade o que já vinha sendo feito em toda Brasília, samba de qualidade e autenticidade, mostrando um pouco da cultura carioca aos jovens da cidade. No mesmo ano, o grupo participou do II Festival de Pagode de Brasília realizado na Aruc. Disputou com mais 56 concorrentes, sagrando-se campeão com o samba “Tem Que Ter Fé”, de autoria de Jorginho Alexandre. Samba este que no ano seguinte, seria gravado pelo sambista Reynaldo o príncipe do pagode e regravado por mais de uma dúzia de vezes até hoje.

Logo após esse feito, o grupo foi convidado pelo Grêmio Recreativo Escola de Samba ARUC de Brasília, para abrir a temporada de shows que seria realizado pela escola, convite este que se estendeu por vários anos dando ao grupo, a oportunidade de dividir o palco e abrir shows de grandes sambistas como:

ZECA PAGODINHO
JOVELINA PÉROLA NEGRA
PAULINHO DA VIOLA
JOÃO NOGUEIRA
VELHA GUARDA DA MANGUEIRA
GRUPO RAÇA
FUNDO DE QUINTAL
BEZERRA DA SILVA
NOCA DA PORTELA
JORGE ARAGÃO
BETH CARVALHO
Entre outros nomes do samba brasileiro.

Em 1991 o grupo produziu seu 1º disco LP – “NAÇÃO BRASILEIRA”, que apesar de ter sido independente, alcançou a tiragem de 5000 (cinco mil cópias).
Já em 1993 o grupo repetiu o feito com o LP – “SEM BANDEIRA”.
E em 1998 O LANÇAMENTO DO 1º CD “HORIZONTES”.

2 comentários:

  1. Acompanhei a trajetória destes bambas! Jorginho: músico e interprete extraordinário.

    ResponderExcluir
  2. Acompanhei a trajetória destes bambas! Jorginho: músico e interprete extraordinário.

    ResponderExcluir